About Me

O prefeito e a "moto marginal"

A prefeitura de São Paulo proibiu a circulação de motos na via expressa da Marginal Pinheiros no sentido Castello Branco; a justificativa é que a medida reduzirá o número de acidentes fatais. Será?!
A verdade é que parte da classe politica tem fixação por proibir ao invés de resolverem problemas; proíbem seu carro de circular em determinado dia da semana [rodizio], prefeitos proíbem motoristas de aplicativos [Uber, por exemplo], cogitaram proibir o Waze no Brasil [pesquise aí], proíbem caminhões, proíbem motocicletas, limitam a utilização de patinetes e bicicletas entre outras. Proíbem até o seu canudinho.
Voltando a questão da proibição de circulação de motos na expressa da Marginal Pinheiros, aparentemente, o prefeito e seu secretário nunca andaram de moto, nem na garupa. Não é a velocidade que causa acidentes, o risco é maior na local.

A pista expressa tem uma condição de continuidade com menor índice de troca de faixas e, isto reduz as chances de acidentes. Já na pista local, com inúmeros acessos e saídas provenientes da pista expressa além dos acessos aos lotes lindeiros e outras vias, ocorre constante alternância entre as faixas [muitas sem sinalização ou visibilidade prévia], o que poderá acarretar em um número muito maior de fatalidades.